Após gravar vídeo ameaçando policiais, homem morre em confronto com Força Tática em Arapuá

Após gravar vídeo ameaçando policiais, homem morre em confronto com Força Tática em Arapuá

Roberto Ferreira, conhecido pela alcunha de “Beto”, e com diversas passagens policiais morreu após disparar contra a equipe na tarde desta segunda-feira (25).

Um homem identificado como Roberto Ferreira, conhecido como “Beto“, morreu na tarde desta segunda-feira (25), após uma troca de tiros com a Força Tática no distrito de Arapuá, distante 45km de Três Lagoas.

O indivíduo gravou um vídeo em posse de uma arma, e postou em suas redes sociais, dizendo que “se uma viatura (policial) passasse na frente de seu quintal, meteria bala”, onde os policiais da Força Tática, ao tomaram conhecimento do fato, foram até a casa de Roberto para averiguar tal situação.

Ao chegarem na residência, a equipe imediatamente lhe visualizou, dando voz de abordagem, porém, o mesmo se evadiu para dentro de sua casa, e efetuou um disparo na direção da equipe, que diante da injusta agressão, revidou com outro disparo, dessa vez atingindo Roberto. Ferido, foi conduzido pela equipe até o Hospital Auxiliadora ainda com vida, porém, acabou não resistindo e falecendo ao dar entrada para atendimento.

Roberto já era velho conhecido dos meios criminais por ter várias passagens policiais, inclusive sendo detido pelo artigo 329, por violação de domicílio.

Fonte: Radio Caçula

Clique Aqui e assista o video